PREFEITA JAQUELINE MOTTA COMETE DESVIO DE FINALIDADE NA BIBLIOTECA MUNICIPAL

A biblioteca de Barro Preto, espaço que deveria ter por finalidade armazenamento de livros, dispostos para estudo e consulta, tornou-se um ambiente para palco de badernas, orgias, sem falar do total abandono que o local apresenta ao londo dos últimos 03 anos. Várias reclamações tem chegado a redação do FRN, acerca da desorganização e desvio de finalidade que o ambiente apresenta.

Conforme informações obtidas com exclusividade pelo site, a prefeita Jaqueline Motta (PT), decidiu, de forma abrupta e truculenta, suspender os serviços da biblioteca, para dar lugar a grupos de dança e ensaios de bandas. A medida isolada da alcaide desagradou a maioria da população, principalmente os que moram nas imediações da biblioteca, que reclamam do barulho ensurdecedor e da bagunça generalizada. “Nós, barropretenses, estamos insatisfeitos com tal situação, pois temos nosso direito à educação e a cultura relegada a segundo plano”, desabafa uma moradora.

Nenhum comentário: