ROMANCE ASTRAL

Nem tudo na vida está perdido. Visitando o blog de Val Cabral, o linguajar dele em relação a Geraldo Simões mudou de metamorfose, em uma de suas postagens na qual ele fala dos festejos juninos, ele menciona os nomes de Fernando Gomes, Azevedo e Vane, “esquece’ o nome de Geraldo que outrora era cabeça de pitu, mascate de emenda e ladrão. O trem, vem surgindo de trás das montanhas azuis, e os dois, Val e Geraldo estão num romance astral. E no final quem vai chorar, ou quem vai sorrir? Pois o trem está chegando na estação 640. Quem diria hein, hoje o bem e o mal vem de braços e abraços num romance astral. Se antes eu te odeio, amanhã lhe tenho amor! E nesse trem, Val é o grande ator.

Nenhum comentário: